Dia a Dia

Drinks sem álcool são tendência em bares e restaurantes brasileiros

O consumo de bebidas não alcoólicas vem se tornando parte da rotina de muitas pessoas, refletindo uma mudança de hábitos dos clientes

Nos últimos anos, a demanda por drinks sem álcool em bares e restaurantes cresceu significativamente, impulsionada, em especial, pelo crescente interesse dos consumidores em saúde e bem-estar. De acordo com um estudo feito pela Datassential, plataforma de pesquisa norte-americana focada em alimentação e bebidas, a presença de “mocktails” — nome atribuído aos drinks não alcoólicos — aumentou impressionantes 223% nos cardápios de estabelecimentos ao redor do mundo.

No Brasil, essa tendência é observada em diversos negócios. No Grafficca Bar, em Belo Horizonte, por exemplo, os clientes podem escolher entre variadas opções de coquetéis sem álcool. A proprietária do estabelecimento, Marilda Ribeiro, comenta que a demanda do público motivou a ampliação do cardápio. “Percebemos que os clientes buscavam por bebidas mais criativas, semelhantes aos coquetéis tradicionais, mas sem o álcool. Por isso, nós criamos algumas opções para agradar essas pessoas e adaptamos outras que já existiam. Assim, todo mundo consegue aproveitar”.

José Eduardo Camargo, líder de Conteúdo e Inteligência da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), reforça a permanência dessa tendência: “Os consumidores buscam, cada vez mais, por opções de bebidas que preservem o bem-estar. Além disso, clientes que não podem consumir álcool por alguma razão, como os que estão dirigindo, muitas vezes também querem aproveitar uma bebida que ofereça uma experiência similar à dos drinks ou das cervejas”, comenta.

Dados de uma pesquisa realizada pela consultoria internacional IWSR mostraram que, entre os consumidores que optam por bebidas sem álcool nos bares e restaurantes, 52% o fazem por considerar essas opções mais saudáveis, 47% porque querem reduzir o consumo de álcool e 31% porque acreditam que as opções não alcoólicas disponíveis no mercado já oferecem uma experiência satisfatória, não sendo necessário incluir os destilados.

Principais tendências no mercado

Entre os principais tipos de bebidas que estão conquistando espaço nos cardápios de bares e restaurantes, destacam-se:

1.  Mocktails

Os mocktails são coquetéis elaborados sem álcool, mas que mantêm toda a sofisticação e complexidade sensorial dos drinks tradicionais. Combinam ingredientes como sucos naturais, xaropes artesanais, ervas frescas e até mesmo espumas para criar uma experiência de sabor única. São ideais para quem deseja desfrutar de uma bebida refrescante e saborosa sem os efeitos do álcool.

2.  Águas aromatizadas

As águas aromatizadas têm ganhado popularidade por sua simplicidade e benefícios à saúde. Feitas com água mineral ou com gás, são infundidas com frutas frescas, ervas aromáticas e especiarias, oferecendo uma alternativa natural e refrescante para os clientes se hidratarem, além de serem uma opção leve e sem calorias.

3.  Cervejas sem álcool

As cervejas sem álcool têm evoluído significativamente em termos de sabor e variedade. Fabricadas de forma a preservar o aroma e o perfil de sabor das versões alcoólicas, essas cervejas oferecem uma alternativa para aqueles que desejam desfrutar do sabor característico da cerveja, sem os efeitos do álcool.

Essas opções não apenas atendem à demanda por produtos mais saudáveis e diversificados, mas também proporcionam experiências sensoriais agradáveis e semelhantes às proporcionadas pelos drinks alcoólicos, tornando-se escolhas cada vez mais populares nos estabelecimentos.